17 junho “Dancinha do Tik Tok”, parceria de Rafael Dono com Henry Freitas é lançada nesta sexta-feira (18)

Rafael Dono e Henry Freitas

“Se teu ex te ligasse você voltaria? Responde aí fazendo uma dancinha”, são versos da nova parceira do cantor paraibano Rafael Dono com o amigo e músico Henry Freitas. “Dancinha do Tik Tok” foi escolhida para ser o primeiro lançamento do EP de Rafael apenas de canções autorais, e estreia acontece nesta sexta-feira (18), ao meio dia, no YouTube. “O aplicativo de vídeos, que se popularizou pelas coreografias, recebeu uma homenagem que promete agradar o público fã de redes sociais”, acredita Rafael.

 

A parceria com Henry Freitas começou no fim de 2020 quando lançaram a música ‘Thaís’, que alcançou mais de 200 mil visualizações no YouTube. “Ficamos muito amigos, e surgiu a ideia de gravar um DVD de forró e outro com músicas autorais. Desde que lançamos a primeira música, muitas foram oferecidas e escolhemos sete que tinham mais o estilo que quero, mais swingado e a “Dancinha do Tik Tok” me chamou muito a atenção, por isso foi escolhida para ser a primeira”, lembra.

 

Música da Paraíba — “Dancinha do Tik Tok” é uma composição dos paraibanos, Suheudo Lima e Victor Rodrigues. Os compositores também estarão presentes em outras canções do EP, como a ainda inédita “Vermelhinho”. Rafael explica que recebeu canções de artistas do Brasil inteiro. “Foram mais de 250 músicas. Algumas já vêm desde o CD anterior, mas como ‘Thaís’ fez muito sucesso, focamos nela e deixamos as demais para trabalhar futuramente. Chegou o momento de lançar essas composições”, destaca.

16 junho Single Eu também quero beijar, de Ciel, ganha clipe sensual e cheio da tropicalidade do agreste pernambucano

Em parceria com Patricktor4, Ciel lançou como single a releitura do clássico Eu também quero beijar, de autoria de Pepeu Gomes, Moraes Moreira e Fausto Nilo. A música ganhou clipe que estreou em junho e está disponível no IGTV do artista @cielsantos (link: https://www.instagram.com/tv/CPdQcJJj-WJ/?utm_source=ig_web_copy_link)

 

Gravado no formato vertical, o vídeo tem como principal referência a vida que já existia nas redes sociais e que ficou ainda mais forte com o consumo de challenges, virais e a diversidade de pessoas e linguagens que precisaram se comunicar e fortalecer através da arte durante o momento de pandemia em que vivemos.

Ciel nos convida para o seu universo digital cheio de alegria, sensualidade e tropicalidade. O cantor explora variadas versões de si, passeando por suas referências na moda, cultura popular e movimento Queer.

 

Este é o primeiro single do artista vinculado ao selo musical CALOOR record e busca uma sonoridade onde o pop dialoga com a cultura popular. A faixa tem arranjo de Leo D e foi construída unindo elementos de ritmos afro-brasileiros, instrumentos orgânicos e beats eletrônicos.

 

Ciel vem ganhando espaço dentro do cenário artístico e este single marca uma nova fase na sua carreira. Tem lançamento agendado para o dia 05/03 e celebra a liberdade, a alegria de amar e beijar quem você quiser e sentir vontade.

 

“Quero ver as pessoas dançando, cantando e amando sem amarras. A música é uma ferramenta importante para seguir a vida! Com Eu também quero beijar, conseguimos uma mistura leve, sensual e com a tropicalidade agrestina que carrego em mim.”, comenta Ciel.

14 junho Milagre Sertão lança coleção de bolsas recicláveis que unem beleza, sustentabilidade e responsabilidade social

Renata Uchôa

Com design moderno, unissex e atemporal, a Milagre Sertão apostou na moda para arrecadar recursos para as ações da ONG. As bolsas, que acabam de ser lançadas em uma campanha especial com a influenciadora digital Renata Uchôa como modelo, são produzidas em material reciclado, resistente, impermeável e com fibras sintéticas. Disponíveis em três estampas que trazem elementos e cores características do sertão paraibano, as bags podem ser usadas de ambos os lados e em diferentes ocasiões do dia a dia.

 

As bolsas são produzidas pela Dobra, loja de embalagens sustentáveis que utiliza 30% de material reciclado na sua composição. A marca faz a reciclagem por meio dos produtos que seriam descartados pelos clientes, sendo assim, um produto 100% reciclável e uma alternativa para reduzir as sacolas de plástico para compras. Os modelos já estão disponíveis no site da lojinha (lojinhadomilagre.iluria.com) e podem ser enviadas para todo o Brasil.

 

Campanha – A influenciadora digital Renata Uchôa estrelou a campanha de divulgação, que tem como proposta unir beleza, sustentabilidade e responsabilidade social em um produto versátil e funcional. As fotos são assinadas por Thayse Gomes, com produção de beleza por Renata Pinto.

 

Como adquirir – Para comprar as bolsas, basta acessar o site da lojinha (lojinhadomilagre.iluria.com) ou o instagram @lojinhadomilagre.

A ONG Milagre Sertão fica na Rua Antônio Rabelo Júnior, nº 81 Sala 01 e 02 – Miramar. Outras informações, no site milagresertao.org/, no (83) 3021-9891 e no insta @milagresertao .

13 junho Trilha sonora

O jovem empresário Paulo Maroja – que também é DJ nas horas vagas acaba de lançar uma nova playlist no Spotify exclusiva para o Selecta! Aperta o PLAY!

12 junho Saiba como ajudar a ONG Milagre Sertão no Paraíba Restaurant Week

A ONG Milagre Sertão será beneficiada em mais uma edição da Paraíba Restaurant Week, um dos maiores festivais gastronômicos do mundo. Pelo terceiro ano consecutivo, os clientes que participarem do evento poderão aproveitar o melhor da gastronomia paraibana e ainda contribuir com a causa social. O evento acontece até 27 de junho em 27 restaurantes de João Pessoa e Bananeiras.

 

“O evento nos permite estar presente na mesa de potenciais doadores, trazendo não só arrecadação imediata, mas também a possibilidade de termos nosso trabalho conhecido pelo público participante”, diz Rodrigo Bittencourt, voluntário da ONG.

 

Edições anteriores – Nos primeiros anos de evento, o Milagre Sertão arrecadou aproximadamente R$ 19 mil. “A iniciativa é uma vitrine para as pessoas conhecerem o nosso trabalho. As doações são muito importantes, pois são fonte determinante para a execução das ações que beneficiam famílias carentes no interior da Paraíba”, detalha Rodrigo.

Bom exemplo – Na edição de 2020, inspirados pela iniciativa, houve empresas que doaram à ONG o valor maior que arrecadaram. Foi o caso do Meat Up Açougue e Restaurante, que repassou o valor dez vezes maior do que foi arrecadado. Sobre a participação no evento, o proprietário do estabelecimento, Tullio Martins, destaca que a atitude faz parte da essência do restaurante. “É a nossa missão atuarmos para uma sociedade melhor. Fizemos porque entendíamos que poderíamos ajudar”, diz Tullio.

 

O festival conta com restaurantes que montaram um menu especial com entrada, prato principal e sobremesa por um valor fixo de R$48,90 no almoço e R$59,90 no jantar. Ao pedir a conta, os clientes podem contribuir com a ONG Milagre Sertão doando R$1. Confira a lista dos participantes no https://maitredigital.com.br/paraibarw .

 

Sobre o Projeto Milagre Sertão – A partir da iniciativa de um grupo de jovens para levar mantimentos às famílias do interior paraibano surgiu a ideia do Projeto Milagre Sertão. A primeira ação aconteceu de forma espontânea e se tornou fonte de inspiração e incentivo para uma pesquisa maior sobre o tema, que revelou as causas reais das necessidades existentes. Fundada em 2013, com sede em João Pessoa, a ONG promove soluções eficazes no desenvolvimento de sistemas sustentáveis por meio do empoderamento das famílias que sofrem com os efeitos da seca levando doações de alimentos, roupas, brinquedos e outros itens de necessidade básica, além de oferecer serviços de apoio à comunidade, como temas em empreendedorismo, soluções agrícolas e atendimento médico-odontológico.

 

A ONG Milagre Sertão fica na Rua Antônio Rabelo Júnior, nº 81 Sala 01 e 02 – Miramar. Outras informações, no site milagresertao.org/, no (83) 3021-9891 e no instagram @milagresertao.

09 junho Informe Jurídico por Matheus Maia

Matheus Maia com seus sócios João Neiva e Robson Cananéa Filho

Você sabia que é possível a penhora judicial de investimentos realizados no mercado de ações?

 

“Pois é! Desde 2018, o Banco Central já havia incluído no “BacenJud” alguns bancos e corretoras – que movimentam ativos financeiros – no rol das instituições sujeitas ao sistema, que interligava o Poder Judiciário ao Banco Central e essas entidades financeiras, possibilitando a emissão de ordem judicial para bloquear, desbloquear e transferir valores da conta do pesquisado.

 

Hoje, esse mesmo procedimento é realizado pelo SISBAJUD (Sistema de Busca de Ativos do Poder Judiciário), que aprimorou o sistema antigo e renovou a possibilidade da penhora judicial de valores constantes da conta corrente, como ativos mobiliários, títulos de renda fixa e ações.

 

É importante ressaltar que para haver a penhora judicial das aplicações financeiras pessoais do sócio administrador de uma empresa, é necessário que ocorra a desconsideração da personalidade jurídica, quando se tratar de empresa com responsabilidade limitada.

 

Fique atento!”

05 junho Dolphin premiado

Fabiana De Sanctis

O Dolphin VillaHotel, localizado em Fernando de Noronha, da empresária do setor hoteleiro, Fabiana De Sanctis, ganhou o Prêmio Travellers’ Choice 2021, e faz parte do seleto grupo de 10% dos melhores hotéis do mundo pelo sétimo ano consecutivo. “Ficamos muito felizes em poder estar entre os melhores locais para se hospedar do mundo. Trabalhamos incansavelmente para isto, inclusive inauguramos novas suítes para receber cada vez melhor nossos turistas”, celebra Fabiana.

29 maio Informe Jurídico por Matheus Maia

Você sabia que a clínica médica que presta serviços de caráter hospitalar pode ter sua alíquota de Imposto de Renda drasticamente reduzida?

 

Pois é, as clínicas médicas enquadradas no regime de tributação do lucro presumido recolhem o percentual de 32% na base de cálculo do IRPJ e CSLL, quando deveriam recolher 8% e 12%, respectivamente.
E isso é atestado pelo entendimento consolidado do Superior Tribunal de Justiça ( STJ, AgRg no REsp 1471877 / RS).
Para fins de recolhimento do IRPJ e da CSLL com alíquotas reduzidas, o STJ entende que devem ser considerados serviços hospitalares “aqueles que se vinculam às atividades desenvolvidas pelos hospitais, voltados diretamente à promoção da saúde”, excluindo-se as simples consultas médicas e serviços administrativos.

 

 

Um exemplo básico de serviço com caráter hospitalar é aquela clínica que desenvolve serviços de medicina ambulatorial, com recursos para realização de procedimentos cirúrgicos.

 

 

Caso ocorra a revisão, a aplicação da nova alíquota pode se dar até mesmo de forma imediata, sem prejuízo da restituição do valor cobrado a maior desde quando verificado o início da prestação dos serviços, limitado ao prazo prescricional de cinco anos.

 

Fique Ligado!

24 maio Cine-PE 2021 encerra inscrições para as Mostras Competitivas de Filmes no dia 07 de Maio

Os realizadores de cinema de todo país, que ainda não se inscreveram para a programação da 25ª edição do Cine PE | Festival Audiovisual têm até terça-feira, 25 de maio para inscrever suas produções na mostra competitiva pelo link festivalcinepe.com.br/inscricao2021.

 

Os filmes podem participar das Mostras de Curta-Metragem Pernambucano, Curta-Metragem Nacional e Longa Metragem, nas categorias ficção, animação ou documentário.

 

Para se inscrever nas mostras competitivas de curtas-metragens, os filmes devem ter até 22 minutos de duração (conteúdo e créditos), em formato 35 mm ou digital HD. Já os longas-metragens precisam ser brasileiros, podendo haver coprodução internacional, com duração acima de 70 minutos. É necessário garantir oficialmente as exibições dos longas na grade em formato 35 mm ou digital HD. Tendo em vista a acessibilidade, os filmes selecionados, tanto curtas quando longas, deverão entregar duas cópias, sendo uma delas legendada.

 

Ano passado, 941 filmes foram inscritos para as mostras competitivas, 5,37% a mais do que em 2019. Entendendo que o mercado do audiovisual sofreu com as restrições impostas pela Covid-19, a direção do festival decidiu que a curadoria também reconsiderará as inscrições realizadas nas edições de 2019 e 2020 para compor a grade de exibição de 2021.

 

Além disso, as produções realizadas neste período de pandemia também serão acolhidas pelo festival. “Filmes com uma produção mais enxuta, caseira, que mostram a realidade do mercado, do momento que estamos passando. Apesar das dificuldades, essas produções reforçam a capacidade criativa dos realizadores brasileiros”, explica Sandra Bertini, diretora do Cine PE. Podem se inscrever no festival produções finalizadas em 2018, 2019, 2020 e 2021.

 

Para a curadoria dos filmes, o sentimento é de observar a experiência conquistada na edição anterior e de, ao mesmo tempo, ficar sintonizado com o que surgirá de produções na era da pandemia. “Acredito que, desta vez, o processo de curadoria se beneficia da experiência que adquirimos na edição passada do Cine PE e da observação de como todo o circuito de festivais de cinema tem se adaptado a esse período de isolamento social, não só pensando em suas limitações, mas também aproveitando as oportunidades que são ampliadas”, diz Nayara Reynaud, jornalista e crítica de cinema. Para Edu Fernandes, roteirista e também crítico de cinema, “O festival em formato virtual foi uma experiência nova para todos. Em 2021, temos a esperança de que as sessões aconteçam presencialmente, enquanto vivemos um momento mais positivo, além de uma curiosidade sobre qual produção foi possível nesse ano tão difícil.

 

A 25ª edição do Cine PE | Festival Audiovisual deve acontecer no segundo semestre deste ano, entre os meses de setembro e outubro. Diante da crise sanitária provocada pela Covid-19, a direção do Cine PE ainda não decidiu o formato do festival, mas a expectativa é que o maior e mais tradicional evento competitivo do cinema nacional em Pernambuco seja realizado em formato híbrido, com atividades presenciais e virtuais. “Toda a equipe do festival está muito empenhada na sua realização. Ao longo desses 25 anos, o Cine PE assumiu um protagonismo no mercado do audiovisual brasileiro. Precisamos honrar essa trajetória com mais uma edição significativa”, conclui Sandra Bertini.

 

Em 2020, o festival aconteceu entre os dias 23 e 25 de novembro, em formato inédito, ocupando multiplataformas. Os filmes foram exibidos na televisão, no Canal Brasil e na TV Pernambuco e, na internet, por meio da plataforma de streaming Canais Globo.

 

“O festival em formato virtual foi uma experiência nova para todos. Em 2021, temos a esperança de que as sessões aconteçam enquanto vivemos um momento mais positivo, além de uma curiosidade sobre qual produção foi possível nesse ano tão difícil”, avalia o curador Edu Fernandes.

 

As fichas de inscrições e o regulamento da 25ª edição do Cine PE estão disponíveis pelo link festivalcinepe.com.br/inscricao2021.

24 maio Braço social: Clientes do Paraíba Restaurant Week  podem contribuir com a ONG Milagre Sertão

Lançamento Paraíba Restaurant Week um registro dos assessores de imprensa: Andréia Barros, Leandro Ramalho e Kamyla Mesquita

Para dar continuidade às ações que beneficiam famílias carentes no interior da Paraíba, a ONG Milagre Sertão conta com alternativas para arrecadação de fundos, como promoção de campanhas, vendas na Lojinha do Milagre e participação em eventos locais. Pelo terceiro ano consecutivo, a ONG será beneficiada pelo “Paraíba Restaurant Week”, evento gastronômico que une 28 restaurantes de João Pessoa, Campina Grande, Conde e Bananeiras.

Com objetivo de acelerar a retomada do setor, o festival reúne os melhores restaurantes do estado, que criam um menu especial de três tempos – entrada, prato principal e sobremesa – com valor fixo de R$48,90 para o almoço e R$59,90 no jantar. Os clientes podem contribuir com o projeto doando a partir de R$1 no valor final da conta. Nas edições de 2019 e 2020, o evento arrecadou cerca de R$19 mil para o projeto, que foram revertidos para doação.

 

Sobre o Projeto Milagre Sertão – A partir da iniciativa de um grupo de jovens para levar mantimentos às famílias do interior paraibano surgiu a ideia do Projeto Milagre Sertão. A primeira ação aconteceu de forma espontânea e se tornou fonte de inspiração e incentivo para uma pesquisa maior sobre o tema, que revelou as causas reais das necessidades existentes. Fundada em 2013, com sede em João Pessoa, a ONG promove soluções eficazes no desenvolvimento de sistemas sustentáveis por meio do empoderamento das famílias que sofrem com os efeitos da seca levando doações de alimentos, roupas, brinquedos e outros itens de necessidade básica, além de oferecer serviços de apoio à comunidade, como temas em empreendedorismo, soluções agrícolas e atendimento médico-odontológico.

 

 

A ONG Milagre Sertão fica na Rua Antônio Rabelo Júnior, nº 81 Sala 01 e 02 – Miramar. Outras informações, no site milagresertao.org/, no (83) 3021-9891 e no instagram @milagresertao.

Selecta Club no Instagram